EXPOSIÇÃO
DE MODDING


EXPOSIÇÃO
DE ARTE GEEK


CONTEÚDO DE ARTES
E CULTURA GEEK

Modificação artística da estrutura dos computadores, transformando‐os em verdadeiros objetos de arte e diversão. O espaço possui curadoria de Alexandre Casemonstro, um dos artistas pioneiros em modding no Brasil. Cada artista selecionado terá um espaço para divulgação da sua arte, totem indicativo e espaço na TV para o making of do processo de construção do equipamento.
.

O visitante poderá conhecer o processo que tem conquistado os entusiastas da área, e se inspirar nos projetos que aguçam a criatividade e desenvolve habilidades de manipulação de materiais alternativos e recicláveis como papel, alumínio, garrafas pet, entre outros e transforma computadores em objetos totalmente inusitados e ilimitados, desde personagens do universo geek a réplicas idênticas de objetos do cotidiano, como carros e utensílios de cozinha.

O Espaço interativo de Arte Geek conta com exposição de artistas que fizeram releituras dos principais personagens, filmes e quadrinhos do universo geek. A exposição conta com peças como quadros, esculturas e uma parede para intervenção urbana de pintura que será construída ao vivo, além de uma exposição fotográfica sobre cultura geek, construída em parceria com os participantes do evento.

Com diferentes estilos e personalidades, os artistas levarão os visitantes a uma viagem ao universo lúdico habitado por personagens que fazem parte da vida de todos nós, remetendo a nostalgia e trazendo sua própria versão da arte colocando seu material como parte do acervo exposto.

Alex Souto

Designer gráfico, ilustrador e quadrinista. Trabalhou com animação publicitária, publicou quadrinhos autorais e institucionais e colaborou com revistas de rock e animação desde os anos 90. Trabalha há vários anos com design gráfico e web, mas sempre em contato com a 9ª arte e a ilustração. Seus últimos trabalhos são focados no uso da aquarela em café. Alex participou das duas primeiras Exposições de Arte Geek, realizadas pela Glocal Arts nas edições de 2015 e 2016, durante a Campus Party.

 

.

.

.

.

.

.

.

.

.

Kebler Lima

Artista autodidata, se reconheceu como artista ainda pequeno, quando copiava carros de figurinhas da Hot Wheels. Se distanciou da arte durante a escola, por não acreditar que conseguiria viver através da arte. Poucos anos depois percebeu que não conseguia viver longe da arte. Logo retomou o contato com sua paixão e, em seguida, descobriu que podia eternizar sua arte nas pessoas, em forma de tatuagem. Kleber é focado no realismo e busca inspirações em suas paixões: retratos e esculturas renascentistas. Aplicando sombras, cores, detalhes e rachaduras às suas obras nos impressiona, seja no papel ou na pele. Kleber participou das duas primeiras Exposições de Arte Geek, realizadas pela Glocal Arts nas edições de 2015 e 2016, durante a Campus Party

Lenny Lima

Cursou História da Arte, no instuto Ricardo Brennand em Recife. Publicitário, já atuou como Diretor de Arte e Redator. Atualmente é artista visual com mostras coletivas e solos realizadas nos estados de São Paulo e Alagoas. Realizou projetos importantes em eventos nacionais, como o R. I. A. Festival (São Paulo-SP), direcionado à cultura digital, onde colaborou na criação do cenário digital do evento e, recentemente teve a capa do Caderno Globo. Lenny participou das duas primeiras Exposições de Arte Geek, realizadas pela Glocal Arts nas edições de 2015 e 2016, durante a Campus Party.

.

.

.

.

.

.

.

Robson Clecio

Artista autodidata, retrata em seus trabalhos personagens próprios que vivem à parte do cotidiano, vezes envolvidos em um futuro onde vivem isolados pela tecnologia, vezes buscando distração onde tentam se sentir mais felizes e, alguns, tentam apenas ser. Em seus últimos trabalhos, Robson apresenta personagens conectados por cabos à algo fora das imagens, algo que cabe a você descobrir! Robson participou da segunda Exposição de Arte Geek, realizada pela Glocal Arts em 2016, durante a Campus Party.

.

.

.

.

.

.

.
.
.
.

Apresentações de programas e diversas ferramentas computacionais. Teremos uma estação de elementos de multimídia, design e cultura digital, onde profissionais da área apresentarão e proporcionarão conhecimento para que o visitante possa se aproximar das ferramentas atuais e utilizá‐las de maneira segura e prática na sua

vida pessoal e/ou profissional. Para esse produto será feito um workshop, onde será possível aprender a teoria e testar na pratica as habilidades adquiridas. A proposta é incentivar artistas e interessados e fomentar a produção das artes gráficas.

HorárioWorshopsPalestrante
11:00 - 12:00

Casemod e Robótica, como vincular esses 2 mundos

Venha conhecer diversos componentes de Robótica e saber como aplicar esses componentes a um Casemod. A ideia é testarmos conhecimentos aplicados a um Casemod: iremos compartilhar técnicas, testar os componentes. Vamos fazer a diferença, compartilhar e construir um Casemod durante a Oficina.

Alexandre Casemonstro

Criador da empresa Casemonstro/Oficina de Chão, autodidata, maluco que sonha em mudar o mundo compartilhando conhecimento. Criador de diversos trabalho;lhos de destaque nas edições da Campus Party Brasil, Iron Man, Gundam, WarMachine, Gundam Freedom, Daleks, entre outros. Produziu robôs para Globo, Geração Brasil, Malhação. Realiza oficinas de Robótica, com uma metodologia lúdica e pratica, que nasceu dentro da Campus Party, chamada Oficina de Chão. Nos últimos 6 anos, já aplicou a oficina e palestras para mais de 8mil pessoas. Convidado recentemente a compor o time de embaixadores da Campus Party.

17:00 - 18:00

Flashpoint: Quando os Nerds dominaram o mundo!

Neste ano, teremos a estreia de 11 filmes protagonizados por super-heróis – além de grandes títulos de ficção científica, fantasia, animações e até adaptações de mangás – um catálogo cada vez mais variado de séries e livros, a indústria dos games movimentando R$ 550 bilhões e nossas Comic Shops cada vez mais abastecidas com histórias inéditas. Não, você não acordou em uma realidade alternativa. Isso é 2018! Para mostrar como o sonho se tornou possível, o painel “Flashpoint: Quando os Nerds dominaram o mundo” viaja até os anos 1960, 1970, 1980, 1990 e 2000 para analisar as bases que contribuíram para a popularização da cultura Geek.

Tom Jones

Depósito de Ideias.

HorárioWorshopsPalestrante
11:00 - 12:00

Como eu aprendi inglês jogando Vídeo Game

Sou um apaixonado por vídeo games começando a minha história no Atari passando por Super Nintendo, Playstation, emuladores e hoje na nova geração de consoles. Ao longo desses anos, vivendo várias experiências através dos jogos, pude aprimorar e melhorar os meus conhecimentos no Inglês usando da minha curiosidade para desvendar como eu poderia descobrir o meu jeito de aprender inglês. Você já aprendeu o seu jeito de aprender inglês? Venha conhecer um pouco de como eu aprendi a partir dos Vídeo Games, além de outras maneiras quer poderão ajudar você!!!!!!

Marcel Castro

Paulistano, Geek e Gamer, formado em Administração com especialização em Pessoas. Já fez projetos na Campus Party, já foi campuseiro na CPBR10, trabalhou com diversos projetos de Open Innovation com grandes empresas e universidades e hoje trabalha na organização da Campus Party. Vive o ecossistema de startups, inovação e tecnologia através das suas experiências profissionais e participação em diferentes eventos e espaços, em destaque para o CUBO do Itaú e da Redpoint. É colaborador no blog Comprei Um Unicórnio com seus textos e resenhas, autor e co-criador do blog NossoMundo, usuário ativo do LinkedIn, onde cria artigos e engaja as pessoas. Também dedica algumas horas do seu dia para o trabalho voluntário ajudando pessoas a se desenvolverem. Vem descobrindo pouco a pouco o teatro e aprendendo cada vez mais a inspirar as pessoas e permitir-se ser inspirado.

13:00 - 14:00

Como Iniciar no mundo do Casemod Scratch

Existem vários tipos de Casemods, desde o básico pintando o gabinete e colocando acrílico até mais avançados com water cooler custom, mas já pensou em como é feito um casemod scratch ainda usando robótica para deixar interativo?
Nessa palestra veremos como começar a fazer casemods no estilo scratch, totalmente do zero, utilizando técnicas de papercraft, tire seu projeto do papel e bote a mão na massa.

Emerson Pedroso

Formado em sistemas de informação, trabalha há 8 anos como analista de suporte e, como hobby, faz experiências usando robótica e projetos de casemod. Possui um canal no youtube chamado Oficina DIY, onde ensina a fazer diversos projetos envolvendo itens dos universos pop, nerd e Geek. Desde 2014, participa de campeonatos de casemod na Campus Party, onde já conquistou o 3º lugar com casemods do Charizard e Goku. e 2º Lugar com o Casemod Thousand Sunny do One Piece.

15:00 - 16:00

Como ser relevante em um mercado aparentemente saturado de criadores de conteúdo

Bate papo e apresentação de cases sobre criação de conteúdo web pelas mãos de criadores de conteúdo. Se o mercado está saturado, o que devemos fazer? Existe fórmula de sucesso?

 

Cris Siqueira 

Formada em administração de empresas com pós em gerenciamento de projetos, decidiu investir no “Na empresa própria” em 2015. Acredita que conteúdo é a base da nossa existência e, conteúdo compartilhado é o motivo pelo qual vivemos em sociedade.

Panda Mendes

Formado em Tecnologia da Informação e, desde sempre vanguardista, empreender sempre foi um sonho. Hoje, espera estar sempre à frente do mercado para levar, à todos que nos acompanham, motivação, inspiração e boas ideias para empreender sempre!

17:00 - 18:00

Criatividade e Tecnologia, um lindo casal

O processo criativo aliado a Tecnologia, como transformar o comum em algo fantástico. Do Casemod a Robótica, como fazer a diferença com o tecnológico aliado a criatividade.
Componentes e suas aplicações que podem mudar o mundo.
Como ações criativas e robótica, fazem a diferença, o nascimento de uma nova Cultura. Educação aliada a tecnologia de inclusão, irão construir o futuro.

 

Alexandre Casemonstro

Criador da empresa Casemonstro/Oficina de Chão, autodidata, maluco que sonha em mudar o mundo compartilhando conhecimento. Criador de diversos trabalho;lhos de destaque nas edições da Campus Party Brasil, Iron Man, Gundam, WarMachine, Gundam Freedom, Daleks, entre outros. Produziu robôs para Globo, Geração Brasil, Malhação. Realiza oficinas de Robótica, com uma metodologia lúdica e pratica, que nasceu dentro da Campus Party, chamada Oficina de Chão. Nos últimos 6 anos, já aplicou a oficina e palestras para mais de 8mil pessoas. Convidado recentemente a compor o time de embaixadores da Campus Party.

19:00 - 20:00 

Sete em cada dez empregos passarão dos humanos para os robôs.

 

Ney Neto

Ney é diretor de inovação da MCI Group, multinacional com sede na Suíça e filiais em mais de 30 países, incluindo o Brasil, que atua no segmento de marketing e eventos. Mais que isso, foi um dos responsáveis pela implementação da empresa no país, transformando uma pequena start - up com dois funcionários em uma das maiores agências de eventos do mercado. Atualmente, na função de Diretor de Inovação, é responsável por criar novas tecnologias de engajamento, mensuração de resultados e gerenciamento dos eventos do grupo, além de incubar startups com produtos voltados a este segmento e formar a equipe de “produtores de eventos do futuro”, como costuma dizer, de olho na visão 2020 da empresa. Ney Neto é um nome conhecido no meio musical. O baixista estudou nas principais escolas de música do planeta, como ULM São Paulo, Souza Lima, e até a Berklee College of Music, em Boston. Com atuação mais voltada para a música instrumental, já tocou e gravou ao lado de músicos como Mike Stern, Celso Pixinga, Jeff Andrews, e outras feras do jazz, sendo artista patrocinado pelas marcas HARTKE, SJ Bass, cordas LaBella, entre outros.

 

HorárioWorshopsPalestrante
15:00 - 16:00

 

Iubi - Gamificação no tratamento para crianças com câncer

Venha conhecer o projeto do Iubi e sobre a história da formação da nossa equipe (que tem pessoas morando em diversas partes do país e até crianças fazendo parte do time).Iubi é o projeto vencedor do Hacking Health Curitiba. O Hacking Health é um hackathon canadense focado em resolver problemas relacionados à saúde e na edição curitibana focou nos problemas de comunicação. O Iubi é um assistente pessoal para o autocuidado de crianças com câncer. É o primeiro app baseado em jogo produzido no Brasil de acordo com os critérios recomendados pela literatura de gamificação em saúde, empregando estratégias da Análise do Comportamento, abordagem psicológica com conhecimentos empíricos e aplicações baseadas em evidência. Também conta com recursos de IOT embarcados em um ursinho de pelúcia e interação por voz.

Kellen Bonassoli

Curitibana, graduada em Letras, Especialista em Psicopedagogia, Possui MBA em Terceiro Setor e em Marketing. Contista e vencedora do prêmio Novos Talentos da Literatura. Co-autora do livro Reflexões sobre Podcast, e uma das responsáveis pelo portal Mundo Podcast, no qual mantem o podcast Faz Bem. Atualmente, participa da rede TechLadies Brasil e do Google Business Group Curitiba.

19:00 - 20:00

Apresentação dança - Grupo Animatrix

Fábricas de Cultura da Zona Leste, tem objetivo de promover a participação de jovens de distritos vulneráveis da capital em atividades artísticas e culturais que contribuam para seu desenvolvimento, é administrada pelo Catavento Cultural e Educacional.

Grupo Animatrix

HorárioWorshopsPalestrante
11:00 - 12:00

A Era Nerd: Ganhe Dinheiro Produzindo Conteúdo

O desafio de monetizar conteúdo geek em uma era totalmente audiovisual

Uillian Magela

Co-Fundador do Estação Nerd (www.estacaonerd.com); Crítico de cinema, Palestrante e Consultor de Tecnologia; Ama filmes, séries, games, desenhos e animes; é aficionado por cultura nerd. Além disso mantém a esperança de ter seu próprio sabre de luz para cortar a lua ao meio. 😉

 

13:00 - 14:00

Vetorizando Imagens com o Inkscape para Trabalhos Escolares

Bruno Pereira da Silva Graças

Aos 14 anos, Estudante de escola pública, cursando o 9º do Ensino Fundamental e indo para o Ensino Médio, criador e mantenedor do Blog e do Canal “BRUNONERDCOMICS”, onde usa ambos para mostrar seus trabalhos e criar diversos tutoriais e vídeo aulas, apenas usando ferramentas Livres e GNU/Linux, dentre eles o GIMP, KDEnlive e o Inkscape.

Sergio Maria das Graças

Coordenador Técnico do Programa de Informática Aplicada à Educação de Volta Redonda, Desenvolvedor do Projeto GNU/Linux VRlivre, Administrador do Portal IAESMEVR, Administrador do Blog do Técnico Linux, Técnico de Informática SMEVR, Colaborador do MEC/FNDE ministrando oficinas do Linux Educacional, Trabalhando com Tecnologia a mais de 30 anos, onde pelo menos 20 destes na área Educacional, Trabalhando com Robótica Educacional com SofLivre e Hardware livres desde 2009, Primeiro trabalho de Casemod/animatrônico apresentado na CPBR8 (JS-01) e no programa ENCONTRO com Fátima Bernardes da Rede Globo de TV (http://globotv.globo.com/rede-globo/encontro-com-fatima-bernardes/v/amigos-criam-robo-usando-apenas-materiais-reciclaveis/3938139/) Campuseiro desde 2009, com Palestras apresentadas na CPBR4, CPBR5, CPBR7, CPBR8, CPBR9, CPBR10, CPMG1, Latinoware, Flisol, USS, FOA, GNUGRAF, UGB, UBM e Maratona de Software Livre de Volta Redonda

 15:00 - 16:00

 

Os 7 segredos que levaram influenciadores a fama

Durante muito tempo se romantizou a criação de conteúdo onde diziam que a unica forma de ser famoso é sendo você mesmo... Por mais que autenticidade seja importante, com toda certeza existem outras táticas muito mais eficientes que os grandes influenciadores usaram para conseguir crescer em sua carreira. Nessa palestra vou te contar os 7 segredos que os levaram até o sucesso de forma simples e prática.

Rafael Arty

Especialista em influenciadores, coach de carreira e gestor de campanhas publicitárias digitais. Atua como consultor de inteligência e estratégia de marca, criando projetos especiais focados em gerar engajamento nas plataformas online. Entusiasta do meio digital, é dono do canal O Homem e a Mudança, que trata dos temas que envolvem desenvolvimento pessoal, como confiança, auto-estima e auto-conhecimento

DATAS E HORÁRIOS:

De 31 de janeiro a 03 de fevereiro, das 10h às 20h, com circulação permitida até às 21h